sexta-feira, 1 de outubro de 2010

A dolorosa volta ao trabalho!!!!


Hoje eu acordei com um gostinho de final de festa… É a minha última semana de licença maternidade de 15 meses...hihihih... mesmo sabendo que logo, logo eu volto ao ritmo, não consigo evitar a angústia e a sensação de não poder controlar o tempo. Eu adoro trabalhar, ter uma carreira, investir em um lado meu que não envolva somente filhos e coisas da casa, mas é impossível deixar de me sentir dessa forma, como se eu estivesse abrindo mão de alguma coisa. É tudo tão estranho,  me sinto tão perdita, sem rumo...Até semana passada chorava, reclamava pq queria voltar a trabalhar.  Qdo aceito o novo e bom emprego caio aos prantos por imaginar ficar longe do Cadú. Que sensação horrível. O mozi disse que vai me internar...rsrsrs!! Mulher é um caso sério…
Na verdade, penso eu e as pessoas dizem que é mais psicológico do que qualquer outra coisa. Vou sair do trabalho a tempo de ir correndo para a casa da mamis matar a saudade do meu pimpolho...É normal!!!
Eu fico repetindo pra mim que é a ordem natural das coisas, que eu vou chegar em casa cheia de saudades, vou grudar  nele e não desgrudar mais até a hora de dormir. Mas, explica pro nosso coração isso? A gente quer mais é ficar à disposição deles, pronta pra correr até o berço e dar um beijinho fora de hora ou observar um soninho gostoso.
Só que, pelo menos pra mim, a longo prazo esse não é o melhor caminho. Preciso continuar investindo em um futuro legal pra gente, renovando a minha cabeça e diversificando as minhas atividades. Eles crescem, né? E eu não quero jogar no ombro dele a responsabilidade de ter aberto mão de uma profissão “só porque ele era pequeno”. Ele está bem. Aliás, muito bem! E eu também vou ficar, depois que a primeira – e traumática – semana passar. Assim eu espero!!!!
Ai Senhor....Ajuda-me!!!!