domingo, 6 de março de 2011

RECRESCENDO!!!!


Houve um tempo na minha vida em q eu não defendia a minha verdade. Porque, na verdade, eu não tinha uma verdade minha. Minhas verdades eram as dos outros. Naquele tempo, de fato, eu era influenciável demais. Talvez eu ainda seja.

Nesse tempo eu optei pela ignorância. Escolhi não saber nada de nada, não me aprofundar, não aprender, não pensar. Era mais fácil. Era simples deixar as rédeas na mão dos outros, deixar a vida levar.
Em outro momento, depois de tanto tempo afundada na ignorância, eu resolvi descobrir quem eu era. Ainda não obtive sucesso. Mas descobri q buscar é mais interessante que encontrar.
Comecei a ter minhas vontades, minhas verdades, meus próprios pensamentos. Resolvi levar as rédeas da minha vida nas minhas mãos. Descobri que isso dá trabalho. Cansa. Dói. Era tão mais fácil concordar com tudo, ser conivente, ser cúmplice. Ir contra demanda tanta energia...
Foi na gravidez q eu comecei meu empoderamento. Peguei pra mim o poder sobre mim. Passei a assumir as conseqüências, a responsabilidade pelos meus próprios atos. Modificar padrão de comportamento é muito difícil! É cansativo, é doloroso.
Por isso o recrescer. Porque foi depois deste empoderamento inicial q passei a ter consciência de mim, de fato. Porque foi a partir disso q eu comecei a ter verdades minhas. E comecei a impô-las. E passei a não aceitar q me impusessem verdades q não me pertecem. Deixei de ser conivente. Deixei de ser cúmplice. Não tenho q engolir o q me incomoda.
Agora eu me dei conta q preciso aprender q as minhas verdades são minhas. Não posso fazer justamente o q tanto critico: impor minhas idéias como absolutas.
Penso, agora, q o mais difícil é saber conviver com verdades distintas.